O jogo do ano, PSG – FC Barcelona – minha experiência

PSG-FC Barcelona
PSG-FC Barcelona

14 de fevereiro, dia de Saint Valentin – o dia dos namorados na França. A caminho do Parc des Princes, pensei no meu marido e no nosso bebê, que tinham ficado em casa. Você vai ver o jogo do PSG?! Foi o que uma colega me perguntou, surpresa. E é você que vai enquanto seu marido fica em casa?! Ela insistiu. Como um exemplo simbolico da mudança dos costumes, sim! Esta noite era eu – a mulher – que estava indo para o estádio ver um jogo de futebol. E que jogo!

A festa no estádio

Desde que cheguei na França, tive a oportunidade de assistir a alguns jogos de diferentes equipes (mesmo um da França contra a alemanha), em diferentes lugares. E não apenas de futebol, mas também de rugby. Mesmo achando o passeio interessante, sempre me faltava algo, algo ligado ao clima geral, ao estado de espírito dos torcedores – pacatos demais na minha humilde opinião.
Para minha surpresa, neste jogo do PSG contra o Barça pela Champions League, a história foi completamente diferente! Um clima eletrizante tomou conta do Parc des Princes, antes mesmo do pontapé inicial. As tribunas enviavam boas vibrações ao jogadores, com várias mensagens para encorajá-los. Parecia até que os torcedores eram realmente um 12° jogador, que participavam amor (pra lembrar que era a Saint Valentin 😉 ).

“Seus soldados estão com vocês!” – diziam algumas faixas espalhadas entre a torcida.

Um jogo de titans

Quanto a mim, eu tinha esperado este jogo como se fosse um da nossa Seleção. Dá pra entender, não é? No mesmo campo, eu iria ver a reunião de alguns dos mais talentosos dos meus compatriotas: Marquinhos, Lucas, Neymar, Rafinha. E não pára por ai! Ao lado deles, grandes jogadores internacionais também iriam disputar a bola: Messi, Cavani, Di Maria, Verratti, Matuidi, Suarez, Iniesta, Piqué… pra não citar todo mundo.

A dominação do PSG

Eu estava tensa no início do jogo. Ninguém vai me acusar de spoiler se eu contar que o suspense não durou muito tempo. Enquanto eu enviava por SMS minhas impressões ao meu marido, aos 4 minutos do primeiro tempo o goleiro do Barcelona levou um susto diante do grande Matuidi. Chega de SMS, o jogo promete! Pensei no momento. Cavani e Draxler já estavam la, na área, mostrando porque todos nos estávamos ali.

Confesso que antes de vir, meu medo era ver o PSG ser esmagado pela máquina de guerra que é o Barcelona. Mas o PSG soube mostrar quem era o chefe por aqui – e não deixou dúvidas quanto a isto. Aos 18 minutos, Di Maria marcou o primeiro gol, me arrancando um grito estridente (difícil controlar as reações em caso de surpresa). A torcida pegou fogo! E o Parc des Princes pegou fogo junto! Ah, como foi bonito abrir o placar!

A dominação dos parisienses durante este jogo foi tão grande e começou tão rápido, que em um instante perguntei ao sr do meu lado se o Messi e o Neymar estavam em campo, junto com a equipe titular. Eu simplesmente não tinha notado a presença deles!

Alegria! Antes do meio tempo, Draxler marcou o segundo gol do PSG! Soltei mais um grito. O estádio estava literalmente em festa. O quê?! Mais um gol aos 55 minutos! O segundo do Di Maria. Não consegui me segurar e dei mais um grito! Eu não acreditava no que meus olhos estavam vendo, era difícil digerir tanta emoção. Como se não bastasse, novo gol, novo grito. Aos 71 minutos, Edinson Cavani fechou o placar.

O fim do jogo… e o fim da Saint Valentin

Com o pouco de experiência “futebolística” que tenho, fiquei concentrada o tempo inteiro com a performance da equipe do PSG. Sem querer ser injusta com os outros jogadores, na minha opinião o Cavani foi “o cara” naquela noite. E o Di Maria não ficou atras, impossível negar que ele também brilhou.
Que jogo! E que clima no estádio! Fui embora do Parc des Princes com o sorriso no rosto, contente por ter tido a sorte de viver este momento e ser testemunha de um performance esportiva como esta. Era “apenas” um jogo das oitavas de final da Champions League, mas vocês hão de convir que não é todo dia que uma equipe ganha de 4 a 0 do FC Barcelona!

E foi neste estado de espírito que cheguei em casa para terminar as festividades da Saint Valentin 😉

Saiba mais

Sobre o PSG: http://www.psg.fr/
Sobre o FC Barcelona: https://www.fcbarcelona.com.br/

Sobre Angélica Galvão 36 artigos
Sou uma brasileira que vive na França há 10 anos e que tem sede de novos conhecimentos e novas experiências, com o intuito de compartilhá-los. Mamãe de dois lindos garotos, companheira, filha, irmã, amiga, engenheira em informática e sistemas de informação (TI), blogger nas horas vagas :-)

Comente pelo Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*