Gougères, o pão de queijo francês

Gougère, o pão de queijo francês
Gougère, o pão de queijo francês

Que tal comer como os franceses? Hoje eu dou pra vocês a receita do pão de queijo francês, que se chamam gougères, ou ainda choux au fromage.

Esta guloseima é caractérística da região da Bourgogne, que fica no leste da França, e pode ser servida em lanches, mas principalmente em aperitivos. Foi o que levei para a confraternização da nossa vizinhança.

A vantagem é que a receita é muito simples e rápida de se preparar, com ingredientes que todo mundo tem em casa.

Origem e variantes da pâte à choux

As gougères (o nome é no feminino) fazem parte de toda uma série de receitas francesas que se baseiam na “pâte à choux“, que é este tipo de massa que se cozinha na panela para depois se misturar com os ovos e levar ao forno.

Há variantes salgadas, como as gougères, mas também doces, como as inesquecíveis sobremesas baseadas em bolinhos (choux) recheados: profiteroles, éclairs, chouquettes, Paris-Brest, etc. Podemos ainda citar os tradicionais bolos de casamento ou aniversário chamados de pièce montée, onde os choux são recheados e empilhados, colados entre si com caramelo.

Dizem que foi um cozinheiro da rainha Catherine de Médicis que imaginou esta receita, em torno do ano de 1540. Pantanelli/Penterelli teria sido o inventor, enquanto seu sucessor Popellini teria aperfeiçoado a receita.

Receita das gougères, ou choux au fromage

Ingredientes

4 ovos
250 ml de água
1 colher de chá de sal
80 gr de manteiga
150 gr de queijo ralado
150 gr de farinha de trigo
Sal, noz moscada, pimenta do reino e outros temperos a gosto

Modo de fazer

Veja meu vídeo de realização da receita

Leve ao fogo a água, o sal e a manteiga. Quando ferver, tire do fogo e acrescente a farinha de trigo de uma só vez. Misture energicamente com uma colher de pau. Forme uma bola e leve ao fogo mais uma vez por 1 ou 2 minutos pra secar um pouco a massa, sempre misturando.

Tire do fogo e deixe esfriar por 2 minutos, para então começar a acrescentar um ovo de cada vez (isto evitará que os ovos cozinhem com o calor da massa).

Acrescente o queijo, a noz moscada, a pimenta do reino e os outros temperos.

Quando obtiver uma massa homogênea, forme bolinhas com uma colher de chá, coloque em uma forma com papel manteiga pra não colar e leve ao forno médio por cerca de 20 a 25 minutos (no meu caso assei a 200 graus).

Dica : só retire do forno quando os pãezinhos estiverem bem dourados, senão eles podem murchar quando a temperatura esfriar.

Adaptações

Esta receita de base nos oferece toda uma latitude para adaptá-la e deixá-la ainda mais gostosa. Eu, por exemplo, gosto de acrescentar pedaços de presunto, bacon ou até mesmo azeitona picadinha. E você? Que tal testar em casa e me dizer o que achou?

Bon appétit !

Sobre Angélica Galvão 35 artigos
Sou uma brasileira que vive na França há 10 anos e que tem sede de novos conhecimentos e novas experiências, com o intuito de compartilhá-los. Mamãe de dois lindos garotos, companheira, filha, irmã, amiga, engenheira em informática e sistemas de informação (TI), blogger nas horas vagas :-)

Comente pelo Facebook

4 Comentários

    • Oi, Suraya! Esta noite eu pensei justamente neste ponto, que merecia precisões e a sua pergunta foi exatamente sobre isto! Olha, aqui os queijos comumente usados em receitas com queijos ralados são o Emental e o Gruyère. Mas se a pessoa puder investir um pouco mais, a receita fica deliciosa com o Comté (que é mais caro). No Brasil ja tentei com o queijo Minas. Beijo!

  1. O comté é mais duro, não é? Nunca tentei ralar outro queijo que não fosse o parmesão justamente por causa da consistência…
    Acho que uma opção brasileira seria o queijo prato, que tem a consistência mais próxima do emmental…
    Aí na França acho que tentaria com meu queijo favorito (que aqui é raro e caro, aí sempre que vou compro pra comer no hotel), o mimolette!
    De quebra acho que deixaria com uma cor diferenciada…

    • O comté não é mais duro do que o Emmental, por exemplo, mas é mais caro, o que desmotiva muita gente a utiliza-lo na cozinha. Boa idéia tentar com a mimolette, daria uns pãezinhos alaranjados 🙂
      Fiquei pensando aqui em qual seria meu queijo favorito… dificil ter uma resposta absoluta, porque o gosto varia com o tempo. Você ja testou o Cantal ? Ou un vieux gruyère ? Vieux cheddar (seriously strong)… Tem tantos! Ah, o Saint Nectaire também é bom… mas não colocaria estes queijos no gougère :-p

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*